Grupo SBF cobre mais uma vez proposta do Magazine Luiza pela Netshoes
Grupo SBF cobre mais uma vez proposta do Magazine Luiza pela Netshoes

business

Grupo SBF cobre mais uma vez proposta do Magazine Luiza pela Netshoes

A disputa pela Netshoes está longe de acabar. O Grupo SBF, dono da Centauro, acaba de cobrir mais uma vez a oferta feita pelo Magazine Luiza para compra do e-commerce esportivo. O Grupo SPF ofereceu na quarta-feira 108,7 milhões de dólares (ou 428 milhões de reais, um total de 3,50 reais por ação) pela empresa. A proposta do Grupo SBF vem dois dias depois o Magazine Luiza ter oferecido 93,18 milhões de dólares (375 milhões de reais ou 3 reais por ação) para cobrir uma oferta do Grupo SBF de 87 milhões de dólares (351 milhões de reais), a qual foi feita após o anúncio, feito no final de abril, de que a Netshoes e o Magazine Luiza teriam chegado a um acordo de compra no valor de 62 milhões de dólares (244 milhões de reais).

A aquisição da Netshoes pelo Magazine Luiza já era quase certa, tendo em vista que já tinha sido aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), mas a transação só pode ser consolidada depois de aprovada pelo conselho de acionistas da Netshoes, o qual se reuniu para discutir a questão apenas na quinta-feira, 30 de maio. O Grupo SBF aproveitou o intervalo entre o anúncio do acordo e a aprovação final dos acionistas para disputar a empresa com o Magazine Luiza.

Enquanto os acionistas da Netshoes não revelam quem vai ficar com a empresa, resta perguntar: vale a pena tanto esforço e dinheiro por uma empresa tão combalida? O mercado parece confiar nos planos dos possíveis compradores para reerguer o negócio: após o anúncio da segunda proposta do Magazine Luiza, as ações da Netshoes subiram 40 por cento na bolsa de valores de Nova York, onde a Netshoes está listada.