• Home
  • Notícias
  • Negócios
  • Marca de moda íntima Mardelle planeja ampliar rede de franquias

Negócios

Marca de moda íntima Mardelle planeja ampliar rede de franquias

By Marta De Divitiis

3 de fev de 2020

O mercado de moda íntima cresceu bastante nos últimos anos e, segundo estimativas movimenta por ano, no mundo, aproximadamente 30 bilhões de dólares. Peças que antes deveriam ficar escondidas hoje fazem parte do look como espartilhos, alças de sutiãs, elásticos de cós em cuecas, entre outros, contribuindo para o crescimento do segmento.

Dentro desse universo se encontra a marca mineira Mardelle, do casal Marcus Gonçalves e Adele Brito, no mercado desde 1996, de acordo com informações de seu site. Inicialmente a marca vendia em sistema de porta a porta e em 1997 contratou revendedoras autônomas, formando ao longo de seis meses 150 vendedores. A partir daí a marca que já fabricava peças próprias abriu sua primeira loja em Betim, MG, e ampliou sua grade de coleções (conta com peças femininas, Mardelle e masculinas, Mann, além de infantis.)

Associada à ABF - Associação Brasileira de Franchising desde 2007 a Mardelle conta hoje com fábricas próprias em Nova Friburgo e Itaperuna (RJ); Muriaé e Mar de Espanha (MG); Brusque (SC) e Pedreiras (SP), 22 lojas sendo 9 franqueadas. Estão em Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Paraíba e São Paulo. Têm também um e-commerce, que vende para todo o Brasil e atendem em sistema de omnichannel (é possível comprar no site e retirar numa das lojas que o site disponibiliza.) O público consumidor é formado por mulheres e homens de todas as faixas etárias, das classes B, C e D.

“A Mardelle teve um crescimento contínuo devido principalmente ao foco no mercado de atuação, na qualidade dos produtos e preço justo; ao cultivo de uma imagem idônea e de confiabilidade,”justifica Gonçalves que além de sócio fundador é diretor de operações. “Claro que o mercado de moda íntima teve uma retração, assim como o PIB - Produto Interno Bruto - do país, mas mesmo dentro desse cenário continuamos atuando de forma satisfatória e estamos otimistas em relação a 2020,”disse ao FashionUnited.

Planejamento de expansão

Desde janeiro deste ano a Mardelle está incorporada ao grupo Encontre sua Franquia, sendo que Henrique Moll, do grupo, está atuando como diretor de expansão. “Hoje o faturamento da rede é de 12 milhões de reais por ano vendendo aproximadamente 500 mil unidades de peças, com ticket médio de 96 reais,”esclarece. Segundo ele ao longo desses 25 anos de atuação os executivos da marca foram compreendendo os desejos de seus consumidores. Além das linhas básicas contam com linhas para noite e até uma linha de fantasias, mais sensuais, tanto no feminino como no masculino.

A expansão, contando com a experiência do grupo, tem como objetivo atingir todo o país, abrindo 50 novas unidades em 2020 e com a pretensão de aumentar em 50 por cento o faturamento. “Os sócios têm amplo conhecimento do mercado, a complexidade de gestão é baixa e há potencial de escala, fatores atrativos no segmento de franquias,”explica Moll. Serão dois modelos de negócios: lojas de rua (investimento médio de 135 mil reais) e loja de shopping (com investimento em torno de 200 mil reais), em cidades acima de 50 mil habitantes. O retorno do investimento está previsto para um prazo médio de 20 a 24 meses. Um terceiro modelo de negócios - atendimento porta a porta - está sendo planejado para atender empresários com menor poder de investimento e um público consumidor que não tem tempo ou não quer frequentar lojas.

Fotos: Cortesia Mardelle