Negócios

Vivara pretende abrir capital

A joalheria Vivara anunciou essa semana por meio de prospecto preliminar à Comissão de Valores Mobiliários a abertura de capital. A empresa prevê dar o valor inicial de suas ações ao mercado dia 22 de outubro. Segundo o documento a operação será coordenada por Itaú BBA, Bank of America Merrill Lynch e XP Investimentos.

De acordo com o prospecto, serão negociados lotes primário, de papéis novos, e secundário, destinado aos atuais sócios. O resultado da venda do lote primário será revertido em abertura de novas lojas, expansão da fábrica, investimentos em tecnologia e desenvolvimento de nova marca.

A Vivara foi fundada em 1962 em São Paulo pelo ourives David Kaufman. Iniciada como empresa familiar, hoje é a maior rede de joalherias no Brasil, sendo responsável pelas marcas Vivara, Life by Vivara, Vivara Watches, Vivara Fragrances e Vivara Acessories. Conta com uma fábrica de 3.600 m2 e em 2018 teve uma receita líquida de 1,1 bilhão de reais.

Foto: Cortesia Vivara