• Home
  • Notícias
  • Moda
  • Brás (SP) tem projeto de requalificação em 2022

Brás (SP) tem projeto de requalificação em 2022

By Marta De Divitiis

21 de dez. de 2021

Moda

Cortesia Fevabrás

A Fevabrás - Federação do Varejistas e Atacadistas do Brás - anunciou em release de divulgação, que tem planos de requalificação do bairro. O polo de moda, a partir de abril de 2022 entrará em obras previstas para ficar prontas até o Natal. “É um projeto de requalificação para o bairro, que proporcionará mais conforto e segurança ao comércio e aos clientes”, ressalta Gustavo Dedivitis, presidente da entidade.

Haverá a construção de um calçadão na rua Tiers, sendo que o espaço irá se estender por cinco quarteirões, entre as ruas João Teodoro e Conselheiro Dantas. O empreendimento será bancado pelos comerciantes filiados à entidade. O calçadão será exclusivo para pedestres, com paisagismo e cobertura para proteção das pessoas, de acordo com o release.

A Prefeitura de São Paulo assinou em agosto último um termo de cooperação com a Fevabrás para a realização da obra. A definição acerca da ocupação do espaço público será de responsabilidade total da autoridade municipal. “É uma iniciativa importante dos comerciantes de ajuda à cidade”, disse, na ocasião, o prefeito Ricardo Nunes.


A SMUL - Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento - coordenou o projeto e fez análise do impacto urbanístico da obra. Com a assinatura do termo, a Subprefeitura da Mooca é a responsável pelo acompanhamento da construção.

O bairro, que é um dos maiores polos de moda do país, com destaque para a confecção de jeans, foi ocupado inicialmente, no fim do século XIX, por imigrantes italianos. Mais tarde, os migrantes nordestinos se estabeleceram na região. O comércio popular passou a tomar as ruas do bairro que hoje conta com Shoppings de atacado e toda uma estrutura de hotéis para atender lojistas de todo o Brasil. Nos meses normais o número de pessoas que frequentam diariamente o bairro é de 400 mil, chegando a 800 mil na época do fim de ano. Diariamente aportam 300 ônibus de excursão de compradores vindos de várias regiões, sendo que este número chega a dobrar durante o período natalino.