Campanha publicitária da Adidas no Twitter gera mensagens racistas

Moda

Campanha publicitária da Adidas no Twitter gera mensagens racistas

A Adidas cometeu ontem um erro que provavelmente será citado em cursos de gerenciamento de mídias sociais ao redor do mundo.

Para promover a nova camisa do time de futebol inglês Arsenal, a conta oficial da Adidas no Twitter encorajou os usuários a compartilhar um tweet promocional. A cada vez que alguém fazia isso, a conta da Adidas gerava automaticamente uma foto da camisa na qual o nome do jogador era substituído pelo nome de usuário da pessoa que compartilhou a mensagem.

Não demorou para pessoas começarem a trocar seus nomes de usuário no Twitter para fazer com que a Adidas postasse fotos de camisas com mensagens obscenas, racistas, machistas ou anti-semitas. Desta forma, a imagem da marca foi associada a tais mensagens.

Os tweets ofensivos foram deletados hoje e tanto a Adidas quanto o Arsenal pediram desculpas publicamente por não terem previsto que sua campanha seria trollada.