Fashion Jobs and Fashion Trade News, Business apparel industry platform | FashionUnited
Uma única calça jeans gasta mais de 5 mil litros de água, diz Vicunha Têxtil

Moda

Uma única calça jeans gasta mais de 5 mil litros de água, diz Vicunha Têxtil

A Vicunha Têxtil, uma das maiores fabricantes mundiais de índigos e brins, se juntou à Ecoera, à H2O-Company e à Iniciativa Verde para medir quantos litros de água uma calça jeans requer ao longo de seu ciclo de vida. A resposta é de cair o queixo: 5.196 litros.

Mais de 4200 litros são utilizados nos processos agrícolas da cadeia produtiva do jeans; 127 litros são usados na fase de tecelagem; 362 litros durante os processos de lavagem e fabricação do jeans; e mais 460 litros para todas as vezes que o consumidor final lava a calça depois de comprá-la. E isso é só para uma única calça: a Vicunha produz cerca de 20 milhões de metros de tecido a cada mês.

Em nota, a empresa explicou que o objetivo do projeto é definir novas metas de sustentabilidade para sua cadeia de produção, reduzindo o uso de água e compensando seu impacto ambiental através de projetos socioecológicos tais como a recuperação do solo, estoques de carbono e construção de corredores de biodiversidade.

“A Vicunha opera no Nordeste do Brasil, uma região que sofre de escassez de água”, lembrou Marcel Imaizumi, diretor de produção da Vicunha Têxtil, em nota à imprensa. “A análise dos resultados nos permite definir e adaptar as nossas metas para aumentar a eficiência do uso de água”.

Apesar de resultado assustador, Brasil está entre países mais eficientes no uso de água

O cálculo da ‘pegada hídrica’ da calça jeans foi feito usando o método Water Footprint, desenvolvido pela associação internacional Water Footprint Network (WFN), a qual congrega empresas, organizações não-governamentais e pessoas físicas em projetos para diminuir o desperdício de água.

Segundo o método, existem três tipos de “pegada”: verde, azul e cinza. A verde corresponde ao volume de água da chuva usado pelas plantas e solo durante a fase agrícola da cadeia de produção. Já a azul corresponde à água proveniente de fontes de água doce, superficiais ou subterrâneas, utilizadas durante a fabricação e que ainda não foram retornadas aos reservatórios. A cinza representa a quantidade de água doce necessária para diluir a água poluída que é descartada no meio ambiente após a produção.

“Um ponto a favor da Vicunha é o fato dela utilizar algodão brasileiro, pois 92 por cento da água utilizada em seu cultivo vem da chuva. Nenhum outro país no mundo chega perto de um resultado como esse, o que coloca a empresa numa posição bem alta no ranking [de pegada híbrida]”, comemorou Deborah Turner, gerente de marketing da Vicunha na Europa.

“Precisamos parar de discutir porcentagens na indústria e passar a encarar os fatos”, acrescentou ela. “Tomar medidas para reduzir o consumo de água é algo positivo, mas precisamos saber exatamente quanta água estamos consumindo. Todos precisamos considerar nossa responsabilidade na cadeia de produção e os consumidores também têm que mudar”.

Foto: Pixabay

Sustentabilidade
Vicunha Textil