• Home
  • Notícias
  • Varejo
  • Vendas no e-commerce têm recuo em fevereiro

Varejo

Vendas no e-commerce têm recuo em fevereiro

By Marta De Divitiis

10 de mar. de 2020

Estudo realizado pelo Compre & Confie, empresa que monitora as vendas reais de 80 por cento do varejo digital brasileiro, apontou uma queda de 7,7 por cento nas vendas entre os dias primeiro e 19 de fevereiro em relação ao período de 4 a 22 de janeiro. De acordo com o estudo essas datas estão relacionadas à divulgação da disseminação do coronavírus no mundo.

No período analisado foram realizados 10,1 milhões de pedidos, com um faturamento de 4,1 bilhões de reais, 5,2 por cento a menos que o mesmo período de janeiro. “O Coronavírus tem influenciado diferentes setores e, no e-commerce, o anúncio da doença colabora para traçar o panorama de queda nas vendas no período. Com consumidores mais cautelosos durante o mês, houve redução significativa em pedidos e faturamento”, destaca André Dias, diretor executivo da empresa.

Enquanto setores como câmeras, filmadoras e drones tiveram uma queda de 42,3 por cento nas vendas; games 30 por cento; eletrônicos 19,4 por cento, a categoria Moda e Acessórios, que costuma ser o carro-chefe no volume de vendas pela Internet, apontou uma queda de 10,9 por cento no período. De acordo com Dias essa queda menos representativa se dá especialmente nos itens que possuem maior influência da produção nacional. ”Outras categorias, que dependem de componentes chineses como é o caso dos eletrônicos tiveram queda muito maior.

Já as vendas de itens relacionados à saúde tiveram aumento muito grande, de aproximadamente 177 por cento, como é o caso de nebulizadores, inaladores e gel antisséptico.

O Compre & Confie é uma empresa de inteligência de mercado focada no e-commerce e que pertence à CLSS Participações. Conta com uma tecnologia de captura de dados de vendas online em tempo real.

Foto: Austin Distel/Unsplash