Zara brasileira é a mais cara do mundo

Varejo

Zara brasileira é a mais cara do mundo

Comprar roupas nas lojas da Zara no Brasil sai mais caro do que em qualquer outro país do mundo, de acordo com a quarta edição do “Índice Zara”, um levantamento do banco BTG Pactual que analisa o preço de 12 produtos da marca em 44 países. No estudo, os Estados Unidos são usados como parâmetro: todos os preços locais são convertidos em dólar e comparados ao preço praticado nas lojas da Zara nos Estados Unidos. Em média, os brasileiros pagam 18 por cento a mais por roupas da Zara do que os americanos.

Quem quiser comprar na Zara pelo menor preço possível tem de ir ao país natal da rede, a Espanha, onde os preços são em média 36 por cento menores do que nos EUA. Portugal também é outra boa opção.

Mas por que as lojas brasileiras da Zara são tão mais caras assim? O primeiro motivo é a distância do Brasil em relação às fábricas da marca. Apenas 1,2 por cento das fábricas da Zara estão localizadas no Brasil e na Argentina, o que faz com que mais de 90 por cento das roupas vendidas na loja sejam importadas. O grosso da produção da Zara (57 por cento) acontece na Espanha, Portugal, Marrocos e Argentina. De acordo com o BTG, há dez anos mais de 40 por cento das roupas da Zara vendidas no Brasil eram produzidas localmente, mas problemas com fornecedores fizeram com que a empresa optasse por focar nas importações. A pesada e complexa carga tributária brasileira, somada a uma logística cara e ineficiente, também contribuem para o aumento dos preços.

Foto: Facebook Zara